Tradições

 
Tradições

Tradições. Cartoon de 19/11/2023 em CTXT

Israel continua a fazer o que lhe compete, os civis estão a ser vítimas dos bombardeamentos, entre eles médicos, jornalistas, crianças, muitas crianças.

A única notícia menos má, dependendo da forma como a encara, é que Israel e o Hamas concordaram em trocar reféns por prisioneiros durante uma trégua de quatro dias, que poderá ser de dez dias. Esta breve trégua pode parecer boa à primeira vista, mas se não chegar ajuda humanitária suficiente à população durante esse período, a dimensão da catástrofe poderá ser ainda mais brutal.

Em cidades como Khan Younis, milhares de pessoas dormem em tendas molhadas, sem combustível nem comida, enquanto se preparam para um inverno insuportável no meio do ataque israelita.

Alguns palestinianos têm a "sorte" de ainda haver alguma coisa habitável, outros, como os residentes do bairro exclusivo de Gazan al-Zahra, ficaram apenas com os escombros e o pó do que costumavam ser as suas casas.

Tudo isto não é novo, é agora apenas "oficial" e tolerado pela comunidade internacional (como antes). A Palestina tem sofrido desde 1948 com o apartheid, o roubo de terras e colheitas, assassinatos selectivos e indiscriminados, bombardeamentos, demolição e roubo de casas e muitos outros abusos óbvios.

Agora, a demolição e o extermínio, passivo e ativo, já são maciços, porque a "narrativa" foi adulterada e muitos meios de comunicação social retiram da equação o historial assassino do Estado ocupante de Israel e continuam a tentar instalar um discurso que reduz tudo a uma resposta a um ataque terrorista, como se nunca tivesse acontecido nada na região.

eSims para Gaza

Tradições

Esta é uma iniciativa da Cartoonist Cooperative, um coletivo fundado em 2022 por um grupo de artistas que está a coordenar doações de e-Sims com os seus apoiantes internacionais para ajudar os palestinianos a comunicar.

Qualquer pessoa que doe um e-Sim a alguém na Palestina recebe em troca uma peça de um dos cartoonistas da Cartoonist Co-Op.

A ação apoia a campanha #ConnectingGaza, que fornece E-Sims às pessoas no terreno em Gaza(gazaesims.com), permitindo-lhes contornar a falta de Internet durante o cerco e manterem-se ligadas. Isto é vital, não só para os civis, mas também para os jornalistas e todos os profissionais e organizações humanitárias que estão a tentar trabalhar na zona.

Aqui tem todas as informações e passos para o fazer.


Suscríbete por email para recibir las viñetas y los artículos completos y sin publicidad

Artículos relacionados

Campeões

Genocídio lento

O cais

Este blog se aloja en LucusHost

LucusHost, el mejor hosting